Diário do Alentejo

16.ª Prova de Águas Abertas “Baía de Sines” foi um sucesso

17 de junho 2019 - 17:10

A 16.ª Prova de Mar “Baía de Sines”, competição de três quilómetros, organizada pelo Clube de Natação do Litoral Alentejano, reuniu cerca de duas centenas de nadadores.


Texto e foto
Firmino Paixão


Rafael Gil, do Sporting Clube de Portugal, e Beatriz Freixieiro, do Clube de Natação de Rio Maior, foram os vencedores absolutos da prova de 3000 metros, competição pontuável para o Circuito Nacional de Águas Abertas, da Federação Portuguesa de Natação.


A prova da “Baia de Sines”, que contou com quase 200 nadadores, inclui, como vem sendo habitual, outras duas competições, de 400 e 1000 metros, aberta a populares.
Beatriz Freixeiro, jovem de 15 anos estreante na prova, foi a vencedora absoluta e do seu escalão, com um excelente 10.º lugar na geral. Já o consagrado Rafael Gil, tetra campeão nacional dos 10 quilómetros, que recentemente se classificou entre os primeiros 10 lugares do World Series Open Challenge 2019 – Setúbal Bay, venceu com avanço sobre os seus mais directos rivais, também nadadores que integram as selecções nacionais.


A prova tem um lugar de referência no quadro nacional das águas abertas, garantiu o italiano Marco Vantaggiato, líder do Clube de Natação do Litoral Alentejano (CNLA), de Sines. “Na verdade, é já uma grande prova, com muita tradição no calendário anual das águas abertas. Conseguimos um recorde de participação, com quase 200 nadadores de todos os pontos do País, razão pela qual o CNLA está muito orgulhoso”.
O dirigente revelou ainda: “Fazemos sempre coincidir a nossa prova oficial com outras duas, de distâncias menores, abertas à população que queira participar e temos sido muito bem-sucedidos com esta ideia de abrirmos a competição a populares, depois temos a prova oficial para os atletas federados, na distância de três quilómetros, para a comunidade que está a disputar o circuito nacional”.


Sobre a organização, que conta com o apoio técnico da Associação de Natação do Alentejo, Marco Vantaggiato, lembrou: “É uma prova com uma logística muito pesada. Temos de comprometer todo o clube, não só os dirigentes como os pais dos atletas. A prova começa a ser planeada dois meses antes da data da sua realização, tem um investimento interessante, mas felizmente temos a colaboração dos patrocinadores e os apoios do município e da junta de freguesia de Sines”.
Rafael Gil revelou: “O grande objetivo é preparar o campeonato do mundo, competição onde estarei dentro de menos de um mês, em Gwangju, na Coreia do Sul, primeira etapa de qualificação olímpica onde quero garantir um lugar no top 25. Há duas semanas que renovei o título de campeão nacional, pela quarta vez consecutiva, e hoje vim aqui para somar o maior número de pontos para o circuito nacional, que já lidero”.


Já Beatriz Freixieiro comentou: “Nunca tinha vindo a esta prova, correu-me muito bem, as expectativas eram elevadas, o meu treinador fez-me acreditar que podia ganhar esta prova e de facto consegui”.
No escalão de elites AA a vencedora foi Ana Gervásio, nadadora do AC de Montemor-o-Novo. “Não esperava ganhar aqui, porque não tenho treinado muito, mas esta vitória não me surpreendeu. Nós estamos aqui sempre para nos superarmos a nós próprias e foi um pouco isso que sucedeu. Estou a tentar puxar o nosso clube para as águas abertas, porque, nesta disciplina, só eu e a Sofia Correia é que estamos inscritas”, revelou a alentejana.


Resultados


3000 metros – femininos – absolutos: Beatriz Freixeiro (CN Rio Maior), 48’05. Escalões – elites AA+20: 1.ª Ana Gervásio (AC Montemor-o-Novo). AA14/15: 1.ª Beatriz Freixeiro (CN Rio Maior). AA16/17: 1.ª Beatriz Carvalho (CN Rio Maior). Master A: 1.ª Diana Lourenço (AN Estoris). Master C: 1.ª Isabel Figueira (Natação Faro). Master E: 1.ª Isabel Ferreira (Colégio Monte Maior). Masculinos – absolutos: 1.º Rafael Gil (Sporting CP), 43’23. AA+20: 1.º Rafael Gil (Sporting CP). AA15: 1.º António Carvalho (CF Belenenses). AA16/17: 1º Paulo Frota (Condeixa AC). AA18/19: 1.º Diogo Nunes (FC Porto). Master A: 1.º Adriano Silva (Colégio Monte Maior). Master C: 1.º Mauro Inácio (CNLA Sines). Master E: 1.º Marco Vantaggiato (CNLA Sines). Master G: 1.º Jorge Faria (S A Dafundo). Master I: 1.º Stephen Dyson (SA Dafundo).
1000 metros – absolutos femininos: 1.ª Inês Mascarenhas (CNLA Sines), 20’28. Masculinos: 1.º Pedro Biscaia (individual), 17’44.
400 metros – absolutos femininos: 1.ª Maria Clara Marques (individual), 5’50. Masculinos: 1.º Rodrigo Santos (individual), 5’13.

 

Comentários