Diário do Alentejo

Covid-19: Surto de Póvoa de S. Miguel “não está controlado"

30 de julho 2020 - 16:30

O Alentejo regista mais 11 casos de infeção por covid-19 em relação a quarta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde (DGS). Na região já foram registados 717 casos positivos. O número de mortes mantêm-se idêntico, 21, 18 das quais em Reguengos de Monsaraz.

 

O surto na Póvoa de São Miguel, em Moura,que se iniciou no dia 15 de julho, “está ativo, continua sob grande vigilância das autoridades de saúde e à data estão identificados 28 casos positivos”, adiantou Graça Freitas, diretora-geral de Saúde, na conferência de imprensa de atualização de informação relativa à infeção pelo novo coronavírus.

 

Segundo a diretora-geral da Saúde, é um surto com origem familiar e social, tendo sido já testadas mais de 150 pessoas. “É um surto que apesar de tudo apresenta estabilidade, mas não está ainda totalmente controlada e aparecem alguns novos casos conforme vão sendo feitos testes”, afirmou, mas, de qualquer forma, pode considerar-se “estável, controlado e bem acompanhado pelas autoridades de saúde”.

 

Até ao momento, no concelho de Moura foram identificados 94 doentes com covil-19, o número mais elevado do Baixo Alentejo e o segundo mais alto da região, atrás de Reguengos de Monsaraz (154 casos). No concelho de Beja há o registo de 25 casos positivos, menos um do que no de Odemira.

Comentários