Diário do Alentejo

Adiada bienal cultural Monsaraz Museu Aberto

29 de abril 2020 - 16:10

A Câmara de Reguengos de Monsaraz cancelou todos os eventos que iria organizar até 01 de julho, como é o caso da bienal cultural Monsaraz Museu Aberto, adiada para 2021, devido à pandemia de covid-19. O município alentejano revelou que até 01 de julho, também não vai “emitir qualquer licença para iniciativas culturais, recreativas e desportivas” da responsabilidade de associações ou de particulares.

 

“As medidas visam contribuir para conter a pandemia de covid-19 e serão reavaliadas sempre que a evolução da situação epidemiológica o justifique”, esclareceu a autarquia.

 

Face a esta decisão da câmara, o concelho não vai ser palco este ano das tradicionais Festas de Santo António, nem da bienal cultural Monsaraz Museu Aberto, que deveria decorrer na vila medieval de Monsaraz, em três fins de semana de julho.

 

Em relação ao Monsaraz Museu Aberto, “a câmara municipal considera que, nessa altura, ainda não existirão condições para a sua realização, tendo decidido também anular a edição deste ano e remarcá-la para 2021”, pode ler-se no comunicado.

 

Quanto à Festa Ibérica da Olaria e do Barro, que promove os centros oleiros de S. Pedro do Corval, em Reguengos de Monsaraz, e de Salvatierra de los Barros, na Extremadura espanhola, acontece em maio, em anos alternados, nestas duas localidades da raia

 

“Este ano, a iniciativa é da responsabilidade do Ayuntamiento de Salvatierra de los Barros, que vai decidir sobre a sua realização no 2.º semestre do ano”, explicou o município alentejano. Caso tal “não seja possível”, ao abrigo do que “está convencionado, em 2021 será esta localidade espanhola a receber” o certame.

Comentários