Diário do Alentejo

Santiago do Cacém: Mercado municipal reabre após obras

04 de novembro 2019 - 17:05

O mercado municipal de Santiago do Cacém, no distrito de Setúbal, reabriu ao público após ter estado fechado durante sete meses para obras de requalificação e de modernização do edifício. De acordo com a autarquia, o investimento de cerca de 300 mil euros permitiu “criar melhores condições para quem trabalha e para quem é cliente do mercado municipal”, localizado na rua professor Egas Moniz, numa das zonas mais movimentadas da cidade do litoral alentejano.


A operação, integrada no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano, contemplou a remodelação de pavimentos, instalações sanitárias, redes de drenagem pluvial, esgotos domésticos e abastecimento de águas, rede elétrica, mobiliário e equipamento e a criação de acessos para pessoas com dificuldades de mobilidade. “A obra teve como objetivo tornar o espaço mais atrativo e dinâmico, com a requalificação das bancas dos comerciantes que agora têm de se adaptar ao novo espaço”, frisou o presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha, em declarações à agência Lusa.

 

A par da reabilitação do edifício do mercado municipal, cuja obra terminou em outubro, a câmara prevê avançar em breve com a requalificação do espaço público envolvente, no valor de dois milhões de euros, para criar mais mobilidade e lugares de estacionamento, numa das zonas de “excelência” do ponto de vista comercial.

 

“A intervenção na zona envolvente, cuja obra já está consignada, vai condicionar a vinda das pessoas ao mercado, mas, como está seccionada em três áreas e tem um prazo de execução de 16 meses, vamos querer que seja o mais rápido possível para dar a esta zona da cidade uma nova vida”, acrescentou o autarca. A intervenção no mercado municipal de Santiago do Cacém contou com o apoio de fundos comunitários na ordem dos 85 por cento.

Comentários